Mike Farrer: o diretor da Nobel International School Algarve rendeu-se a Portugal

“Portugal é a Las Vegas da Europa... ou a Hollywood da Europa.”

O Algarve é um dos destinos preferidos dos cidadãos do Reino Unido que vêm para Portugal. Atualmente a viver em Lagoa, Mike Farrer é o diretor da Nobel International School Algarve e confessa que está apaixonado por Portugal.

Mas a sua história de vida inclui ainda uma passagem pelo continente africano. Quando saiu do Reino Unido foi para a África do Sul, naquilo que era suposto ser uma experiência de um ano. Acabou por passar lá outros 19, período durante o qual se casou e teve três filhos.

O tempo passou e era tempo de mudar. As férias que passou no Algarve deixaram-no rendido e decidiu que esse seria o seu próximo destino: “Já tinha estado no Algarve de férias e apaixonei-me.”

Como amante de praia, Mike está feliz com o sítio que escolheu para viver. “Agora [para ir à praia] já não é uma viagem de nove horas. É uma caminhada de nove segundos”, diz Mike.

Mike destaca a proximidade de Portugal com o resto da Europa, algo que permite à mulher viajar regularmente para o Reino Unido para se dedicar ao mestrado. E deixa uma comparação curiosa: “Portugal é a Las Vegas da Europa… ou a Hollywood da Europa”.

Cultura, pessoas e segurança: pontos a favor de Portugal

Apesar de ser diretor da Nobel International School Algarve, Mike não deixa de aproveitar bem os tempos livres. Alguns dos passatempos preferidos em Portugal são fazer BTT e jogar golfe. E até já teve a oportunidade de jogar com sul-africanos que também estão a viver em Portugal.

Em Portugal, gosta da cultura, das pessoas, do estilo de vida, da comida e da segurança. Um dos objetivos de Mike é aprender português e ficar, assim, ainda mais próximo da cultura que o acolheu.

O desafio de dirigir uma escola internacional no Algarve

Mike é o atual diretor da Nobel International School Algarve. Com alunos de 41 nacionalidades, a instituição é formada por dois campus: um em Lagos e outro em Lagoa. Recebe alunos desde o pré-escolar até ao ensino secundário.

A escola está dividida em duas secções: a Internacional e a Nacional. Na Secção Internacional, o currículo de estudos é adaptado com base no sistema nacional britânico. Na Secção Nacional, são seguidos os programas oficiais do Ministério da Educação português.

Para Mike, o grande desafio de dirigir uma escola internacional em Portugal é “fazer a escola crescer e mantê-la viva”.

Está a pensar numa mudança para Portugal?

Como posso ter benefícios fiscais?

Saber mais

De que preciso para comprar casa?

Saber mais