Guia (resumido) das aldeias mais bonitas de Portugal

Portugal é um país onde as aldeias se multiplicam. Todas têm características únicas, com costumes e tradições que as tornam em lugares especiais. A seleção foi difícil, mas deixamos-lhe aqui algumas das aldeias mais bonitas de Portugal.

Algumas aldeias parecem nascidas da pedra e das rochas, onde a natureza e a população se fundem. Outras fazem lembrar presépios e ainda há aquelas que mantêm hoje na sua paisagem os traços visíveis de tempos idos.

Portugal é um país com muitas aldeias por descobrir e cada uma delas consegue surpreender e encantar de uma forma particular. Eleger as aldeias mais bonitas de Portugal não é fácil, mas fique a conhecer algumas delas.

Aldeias mais bonitas de Portugal: 18 sítios a descobrir

Almeida

Rodeada por uma muralha de pedra que tem a forma de uma estrela, Almeida foi em tempos um dos mais importantes pontos de defesa do país e é hoje uma das 12 aldeias históricas de Portugal.

Debruçada sobre o rio Côa, Almeida tem vários locais que merecem uma visita, como as ruínas do castelo gótico ou os quartéis militares à prova de bomba, que serviram de abrigo durante a Guerra dos Sete Anos (1756-1763).

Distrito: Guarda

Concelho: Almeida

Coordenadas: 40º 44′ N 6º 54′ O.

Belmonte

Em plena Cova da Beira, Belmonte, uma das 12 aldeias históricas de Portugal, tem uma ampla vista sobre a encosta oriental da serra da Estrela, fazendo, por isso, jus ao seu nome.

A sua história está normalmente associada ao nascimento de Pedro Álvares Cabral — o navegador que em 1500 comandou a segunda armada à Índia, durante a qual se descobriu oficialmente o Brasil — e à fixação de uma importante comunidade judaica.

O Castelo de Belmonte, bem no topo da povoação, data do século XIII e é um dos principais cartões de visita.

Distrito: Castelo Branco

Concelho: Belmonte

Coordenadas: 40°21′N 7°21′W

Castelo Mendo

É uma aldeia de características sobretudo medievais, composta por dois núcleos de muralhas: a Cidadela e a Barbacã. Servia de posição estratégica na defesa contra o então Reino de Espanha e é, por isso, uma das 12 aldeias históricas de Portugal.

Hoje em dia, ainda com as suas antigas muralhas, Castelo Mendo mantém as casas com janelas manuelinas e grandes varandas. Não perca ainda uma visita ao castelo ou à feira medieval.

Distrito: Guarda

Concelho: Almeida

Coordenadas: 40° 35′ 34″ N 6° 56′ 58″ O

Castelo Novo

Em tons verde e cinza, na encosta da Serra da Gardunha, encontra-se Castelo Novo, uma das 12 aldeias históricas de Portugal.

As várias casas senhoriais, que se espalham numa paisagem de rochas envoltas numa vegetação abundante, tornam Castelo Novo num local de visita obrigatória. Se lá passar, não perca o castelo, localizado no topo de aldeia, bem como a praia fluvial.

Distrito: Castelo Branco

Concelho: Concelho

Coordenadas: 40° 04′ 36″ N 7° 29′ 42″ O

Castelo Rodrigo

Situada no distrito da Guarda, Castelo Rodrigo é uma das 12 Aldeias Históricas de Portugal, por preservar ainda as características que remontam à sua origem medieval.

Rodeada de muralhas, a aldeia tem vários pontos de interesse, como o castelo, a cisterna medieval, as Portas do Sol (umas das entradas de Castelo Rodrigo) e as ruínas do Palácio de Cristóvão de Moura.

Distrito: Guarda

Concelho: Figueira de Castelo Rodrigo

Coordenadas: 40° 52′ 32″ N 6° 57′ 50″ O

Curral das Freiras

No meio de uma caldeira rodeada por montanhas altas e verdejantes, na Madeira, situa-se o Curral das Freiras.

Ao longo dos anos, a sua localização quase secreta fez com que servisse de esconderijo — não só das freiras do Convento de Santa Clara, fugidas de um ataque de piratas no século XVI, mas também de escravos e criminosos foragidos.

Um dos seus cartões de visita são os trilhos que atravessam as montanhas e que em tempos foram usados pelas gentes da Madeira, no acesso ao Funchal. A descida do topo até ao centro da aldeia é uma experiência extraordinária e, já cá em baixo, pode desfrutar de uma vista panorâmica da ilha da Madeira.

Curral das Freiras foi uma das finalistas às 7 Maravilhas de Portugal e uma das 15 aldeias históricas de Portugal, numa seleção do motor de busca mundial Skyscanner.

Distrito: Madeira

Concelho: Câmara dos Lobos

Coordenadas: 32° 43′ 13″ N 16° 57′ 58″ O

Dornes

Foi numa península a meio do curso do Rio Zêzere que nasceu Dornes e basta olhar para as imagens aéreas para perceber porque é uma das aldeias mais bonitas de Portugal.

Considerada uma das sete maravilhas na categoria “Aldeias Ribeirinhas”, em Dornes salta à vista a Torre Pentagonal Templária, a primeira do género construída em Portugal.

Se por aqui passar, aproveite ainda para dar um mergulho ou um passeio de barco nas águas da barragem de Castelo de Bode.

Distrito: Santarém

Concelho: Ferreira do Zêzere

Coordenadas: 39° 46′ 13″ N 8° 16′ 08″ O

Fajã dos Cubres

É uma das principais atrações da Ilha de São Jorge, nos Açores, e foi eleita uma das maravilhas de Portugal. A Fajã dos Cubres é uma beleza natural, com um sistema lagunar único, além de uma paisagem e fauna classificadas e protegidas.

Do seu património destacam-se as casas e povoados tradicionais e a Ermida de Nossa Senhora de Lurdes, de 1908, cujas águas do poço são tidas por milagrosas pelas gentes da terra.

Distrito: Açores

Concelho: Calheta (São Jorge)

Coordenadas: 38°38′27″N 27°58′3″W

Idanha-a-Velha

É um autêntico museu ao vivo, pelas inúmeras ruínas que ali se encontram, no meio das oliveiras. Idanha-a-Velha é, por isso, uma das 12 aldeias históricas de Portugal.

Entre os seus vários pontos de destaque, vale a pena visitar a Igreja Matriz renascentista, o pelourinho do século XVII e as ruínas da Torre dos Templários, com vestígios da época do império romano, da reconquista cristã e da Idade Média.

Distrito: Castelo Branco

Concelho: Idanha-a-Nova

Coordenadas: 39° 59′ 49″ N 7° 08′ 40″ O

Linhares da Beira

Passear pelas ruas desta aldeia é visitar o passado enquanto sente a brisa do Vale do Mondego. Linhares da Beira é uma das 12 aldeias históricas de Portugal, por ter um grande património arquitetónico e artístico, que remonta sobretudo ao período medieval.

No topo da aldeia, a mais de 800 metros de altitude, o castelo, erguido no reinado de D. Dinis, no século XIII, é o principal cartão de visita. E, uma vez lá em cima, pare para contemplar as planícies que rodeiam a aldeia.

Distrito: Guarda

Concelho: Celorico da Beira

Coordenadas: 40° 32′ 27″ N 7° 27′ 40″ O

Marialva

Marialva, uma das 12 aldeias históricas de Portugal, ergue-se num monte rodeado de outeiros e penhascos, numa zona montanhosa e granítica.

Assim que se entra na aldeia, fica-se com a sensação de se estar num cenário histórico, cujas ruas conduzem à cidadela cercada pelas muralhas. Por isso, se passar por aqui, não perca o interior das muralhas, onde se encontram a Praça, a torre de menagem e a Igreja de Santiago.

Distrito: Guarda

Concelho: Mêda

Coordenadas: 40° 54′ N 7° 14′ O

Monsanto

Se há aldeia onde a natureza e homem se fundem, essa aldeia é Monsanto. Nascida numa encosta rochosa, nesta terra as casas são pedras e as pedras são casas. Estranho? Em Monsanto, nem por isso. Tudo porque a população aproveitou as rochas como paredes ou até como telhados.

Calma e encantadora, na região da Beira Baixa, é com certeza uma das aldeias mais bonitas de Portugal. Em 1938 foi até considerada a mais portuguesa de Portugal.

Distrito: Castelo Branco

Concelho: Idanha-a-Nova

Coordenadas: 40° 02′ 22″ N 7° 06′ 51″ O

Monsaraz

Junto ao rio Guadiana, no topo de uma colina, ergue-se Monsaraz com o seu casario branco, ruas empedradas e mais de 150 monumentos que contam uma história com mais de 5000 anos.

Se passar por esta que foi eleita uma das 7 maravilhas de Portugal, na categoria “Aldeias Monumento”, não deixe de visitar o imponente castelo onde se vigiou durante séculos a fronteira com Castela.

Piódão

É na Serra do Açor e no concelho de Arganil que se ergue umas das aldeias mais bonitas de Portugal.

As casas, de xisto e ardósia, com portas e janelas azuis, estão espalhadas pela encosta da serra, dando a impressão de uma verdadeira “aldeia presépio” — um estatuto que a iluminação das ruas, ao cair da noite, confirma.

A sua beleza fez com que fosse considerada uma das 7 Maravilhas de Portugal na categoria “Aldeias Remotas”. No meio do cenário pintado de xisto e azul, destaque para a Igreja Matriz, construída no século XVII, com torres cilíndricas.

Distrito: Coimbra

Concelho: Arganil

Coordenadas: 40° 13′ 46″ N 7° 49′ 30″ O

Rio de Onor

Rio de Onor é especial. Situada no nordeste transmontano e integrada no Parque Natural de Montesinho, é uma aldeia que se divide entre Portugal e Espanha. Do lado português, é Rio de Onor. Do lado espanhol, é Rihonor de Castilla.

É uma aldeia comunitária, onde os habitantes partilham o forno, o moinho e as terras. Do convívio entre as pessoas dos dois lados da fronteira nasceu um dialeto: o rionorês. Tem um modo de administração rural e é liderada por dois Mordomos designados por representantes das famílias. Se for a Rio de Onor, passe pela ponte romana que atravessa o rio que dá nome à aldeia.

É uma das sete Maravilhas, na categoria “Aldeias em Áreas Protegidas”.

Distrito: Bragança

Concelho: Bragança

Coordenadas: 41° 56′ 25″ N 6° 36′ 59″ O

Sistelo

Chamam-lhe “pequeno Tibete português” devido aos socalcos verdes onde se plantam cereais e se pasta o gado. Quem olha para Sistelo percebe que é uma das aldeias mais bonitas de Portugal. Em 2018, a paisagem cultural da aldeia foi classificada como monumento nacional.

Sistelo foi construída junto ao Rio Vez, no Parque Nacional da Peneda-Gerês. Não perca o castelo onde viveu o Visconde de Sistelo, no século XIX. E, para uma vista única sobre a região, passe pelo miradouro do Chã da Armada.

É uma das sete maravilhas de Portugal, na categoria “Aldeias Rurais”.

Distrito: Viana do Castelo

Concelho: Arcos de Valdevez

Coordenadas: 41° 58′ 24″ N 8° 22′ 29″ O

Sortelha

A 760 metros de altitude, Sortelha é uma aldeia em granito, com ruas e vielas tipicamente medievais. Tratando-se de uma das mais belas e antigas aldeias históricas portuguesas, pouco alterou o seu traçado nos últimos 500 anos.

Por entre as sepulturas medievais, o pelourinho manuelino ou a igreja renascentista, um passeio pelas ruas de Sortelha, vigiada por um castelo do século XIII, é uma autêntica viagem no tempo.

Distrito: Guarda

Concelho: Sabugal

Coordenadas: 40° 19′ 53″ N 7° 12′ 41″ O

Trancoso

Situado no topo de um planalto com vista para um vasto território entre a serra da Estrela e o vale do Douro, Trancoso tem uma daquelas paisagens que nos fazem perder no tempo e no espaço.

Trata-se de uma das 12 aldeias históricas de Portugal e, por isso, se passar por Trancoso, poderá revisitar os tempos medievais, entrando no seu imponente castelo e muralhas circundantes.

Distrito: Guarda

Concelho: Trancoso

Coordenadas: 40º 47′ N 7º 21′ O

Ficou com vontade de conhecer melhor Portugal? Veja esta lista de parques naturais para descobrir e descubra paisagens únicas.

Está a pensar numa mudança para Portugal?

Como posso ter benefícios fiscais?

Saber mais

De que preciso para comprar casa?

Saber mais